Quatro Cristãos de ONG humanitária são sequestrados em Bagdá

A instituição trabalha com cristãos perseguidos no Iraque desde 2014

Adicionar legenda
Um grupo de trabalhadores de ajuda humanitária da ONG francesa “cristãos SOS do Oriente Médio” foram sequestrados na capital iraquiana de Bagdá, enquanto trabalhavam no inicio dessa semana.

O diretor da organização, Benjamin Blanchard, disse à imprensa que seus funcionários, três franceses e um iraquiano, desapareceram perto da embaixada francesa na última segunda-feira (27).

Segundo agência de notícias França 24, nenhum resgate foi exigido, nenhum grupo específico ainda assumiu a responsabilidade pelo desaparecimento.

A instituição trabalha com cristãos perseguidos no Iraque desde 2014, quando o ISIS invadiu grandes áreas do país e brutalizou milhares e milhares de minorias cristãs e Yazidi.

O diretor Blanchard disse, que o grupo estava na capital “para renovar seus vistos e registrar a associação com as autoridades iraquianas”, acrescentando que eles eram “funcionários experientes que trabalham conosco há anos” e tinham “conhecimento perfeito das zonas de conflito”.

Os nomes dos desaparecidos foram retidos por razões de segurança. O diretor acrescentou que a missão principal de sua organização é “ajudar as comunidades cristãs a permanecer (na região) e a se reconstruir”.

Segundo a BBC, um funcionário do Ministério das Relações Exteriores da França revelou à agência de notícias Reuters que havia sido informado da situação e estava tentando obter mais informações.

Antes da invasão americana do Iraque, havia cerca de 1,5 milhão de cristãos residindo no Iraque. Desde então, através da devastação da guerra e depois de um ataque brutal por militantes do ISIS, alguns especialistas acreditam que a população cristã está perto de ser totalmente destruída, totalizando menos de 200.000.

Em um discurso comovente no passado, o arcebispo de Irbil, Rev. Bashar Matti Warda, disse que o ISIS procurou destruir a população cristã do país em sua totalidade.

“Aqueles que atormentam, confiscaram nosso presente enquanto tentavam acabar com nossa história e destruir nosso futuro,” disse em um evento realizado em Londres, segundo a BBC.

No Iraque não há reparação para aqueles que perderam propriedades, casas e empresas. Dezenas de milhares de cristãos não têm nada a mostrar pelo trabalho de suas vidas, por gerações de trabalho, em lugares onde suas famílias vivem, talvez, há milhares de anos.

“O cristianismo no Iraque está perigosamente perto da extinção”. Aqueles que permanecem devem estar prontos para enfrentar o martírio. Declarou o bispo.

O Iraque atualmente ocupa a 15º posição na Lista Mundial dos 50 países onde é mais difícil ser cristão, divulgada todos os anos pela organização Portas Abertas.
Quatro Cristãos de ONG humanitária são sequestrados em Bagdá Quatro Cristãos de ONG humanitária são sequestrados em Bagdá Reviewed by MISSÕES URGENTE on 21:17 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.