Cristãos trabalham para a reconstrução da Síria

Centros de Esperança investem em projetos de geração de renda

Shadia é uma das beneficiadas do projeto de geração de renda. Ela sustenta a família com os lucros da farmácia na Síria
Hoje, a Síria comemora a retirada das últimas tropas francesas no país em 1946. O país enfrenta uma guerra contra extremistas islâmicos há nove anos. As consequências dos conflitos foram emocionais, econômicas, políticas e sociais. A cidade de Alepo, por exemplo, já foi o centro de crescimento industrial da nação, mas hoje está em reconstrução, porque sofreu intenso bombardeio durante 55 dias seguidos.
A Portas Abertas trabalha para auxiliar os cristãos locais, não apenas com as necessidades básicas como alimento, mas também com projetos de geração de renda, através dos Centros de Esperança espalhados pelo país. Shadia é uma farmacêutica que abriu a própria farmácia há um ano. Toda a família dela é impactada pelo trabalho da jovem de 24 anos. “A renda aumentou, agora eu posso ajudar minha família, porque meus pais não têm emprego. Estou ajudando meus irmãos com as despesas dos estudos deles. Eu sou capaz de garantir um nível de vida decente atualmente”, testemunha.
Outro beneficiado pelo programa é George Orfally. Ele continua gerenciando uma oficina de estofamentos, mas com os problemas de tendinite, precisou contratar uma pessoa para carregar os móveis. Além disso, necessitou rever os preços, já que as pessoas não tinham dinheiro para pagar pelos serviços dele. Eu tive que baixar meus preços ainda mais para poder continuar trazendo alimento para minha família. Se a igreja não tivesse me ajudado e me apoiado, eu já estaria morto. Isso me deu esperança. Eu sempre digo: sem esperança, sem trabalho", reconhece o cristão.
Elias Arkilo que era assistente de um alfaiate, agora tem o próprio empreendimento. A experiência de 16 anos permitiu que ele conseguisse sustentar a esposa e o filho de dois anos. “Nossa casa foi bombardeada e nos mudamos para uma residência alugada. Ganhei um salário muito baixo que mal nos sustentou por um mês. Como eu disse, tudo mudou: agora tenho cinco funcionários que me ajudam. Faz sete meses que abrimos a loja e estamos ocupados a cada temporada. Sou muito grato pela igreja e pelas pessoas que a apoiam; fez uma diferença real na minha vida”, explica.
Muitos profissionais de saúde, como o dentista Berj Haddidian, tiveram os consultórios destruídos pelos rebeldes do Estado Islâmico. Mais tarde, o local foi transformado em um centro de atendimento médico para os radicais. Quando voltou do Líbano, em 2014, para cuidar do pai, vítima de um acidente vascular cerebral, Berj passou a atuar junto com outros colegas de profissão. Com o auxílio do Centro de Esperança, o cristão comprou novos equipamentos e começou a atuar em consultório próprio em novembro de 2019. “Faz 20 anos desde que me formei, agora me sinto independente pela primeira vez. Esperei tanto tempo, mas repito sempre este versículo: pois aqueles que me esperam não serão envergonhados”, relembra. “Eu agradeço o Centro de Esperança, porque é realmente o que é chamado: eles me deram esperança. Fiquei deprimido depois que minha clínica foi tomada. Agora sinto alegria”, completa.
Apoie um Centro de Esperança na Síria!
Os irmãos e irmãs sírios contam com 16 Centros de Esperança espalhados pelo país. No local, eles têm atividades para crianças e jovens, distribuição de alimento, aulas de inglês, curso de introdução à fé cristã, treinamento para casais, discipulado para novos cristãos, encontros de mulheres e programas de geração de renda. Ajude e seja canal do amor de Deus.
Pedidos de oração
  • No dia da Independência da Síria, interceda pelos líderes do país. Para que sejam cheios de sabedoria divina para tomar atitudes que beneficiem todos os cidadãos.
  • Ore pelos cristãos sírios, para que não percam as esperanças no amor e cuidado do Senhor por eles. Peça que eles sejam discípulos de Jesus mesmo em tempos de crise.
  • Agradeça pelas igrejas que são canal de bênçãos na Síria. Apresente os colaboradores locais e parceiros a Deus, e clame para que sejam fortalecidos e encorajados, para continuar o trabalho.
Cristãos trabalham para a reconstrução da Síria Cristãos trabalham para a reconstrução da Síria Reviewed by MISSÕES URGENTE on 08:31 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.