Header Ads Widget

Ataque deixa 15 cristãos feridos na Índia

 Os aldeões usaram flechas e varas para agredir os seguidores de Jesus

Entre os cristãos feridos e hospitalizados, cinco estão em estado grave

No dia 24 de novembro, Madvi Mukka, um cristão na Índia, organizou uma cerimônia em casa para dar nome ao filho. Alguns cristãos da igreja de Mukka e poucas famílias da aldeia se reuniram para celebrar a ocasião. Uma pequena reunião de oração estava sendo conduzida entre as 19h e 0h. Mas após o término da oração, quando todos os convidados estavam comendo, cerca de 70 aldeões invadiram a casa de Mukka. Os agressores atacaram os cristãos com paus, flechas e varas.

Com medo, os cristãos tentaram fugir da casa, mas os aldeões os perseguiram por toda a aldeia, atirando flechas contra qualquer seguidor de Jesus que estivesse pela comunidade naquele momento. A perseguição e a violência continuaram por toda a madrugada. Os agressores fugiram do local por volta das 5h. Porém a polícia só chegou para socorrer os feridos perto das 7h30 da manhã.

Os aldeões atacaram Mukka com uma flecha no estômago; ele se encontra gravemente ferido e internado no hospital do governo. Outras 15 pessoas tiveram ferimentos graves neste incidente e foram hospitalizados. Entre elas, cinco pessoas estão internadas em um hospital maior, porque se encontram em estado mais grave. Outros cristãos também tiveram ferimentos mais leves nas mãos, pés e partes internas do corpo. As Bíblias dos seguidores de Cristo também foram queimadas pelos agressores.

Pedidos de oração

  • Interceda pelos cristãos que foram gravemente feridos, para que Deus restaure as vidas e traga esperança aos corações.
  • Ore pelos agressores, para que tenham um encontro com Cristo e sejam alcançados pelo amor do pai.
  • Clame para que as tensões na aldeia cessem e que os seguidores de Jesus não tenham medo de propagar o evangelho.

Postar um comentário

0 Comentários