Filho de feiticeiro se entrega a Jesus após ser impactado pela Bíblia: "Eu quero esse Deus" - MISSÕES URGENTE
Seguir no Facebook Seguir no Twitter Seguir no Instagram

BRASIL MUNDO ISRAEL VERSÍCULOS PEDIDO DE ORAÇÃO VÍDEOS MÚSICA PREGAÇÕES CINEMA COLUNA

quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Filho de feiticeiro se entrega a Jesus após ser impactado pela Bíblia: "Eu quero esse Deus"

 Kumar Swamy cresceu em meio à opressão da feitiçaria praticada por seu pai e até tentou suicídio, mas quando ouviu o Evangelho teve sua vida transformada

Atualmente, Kumar Swamy e prega o Evangelho na Índia. (Imagem: 100 Huntley / YouTube / Reprodução)

Kumar Swamy cresceu em uma família hindu. Seu pai era um feiticeiro, praticava magia negra e se comunicava com espíritos malignos. Além disso, sua família era de uma casta inferior na Índia - Dalit - o que os levava a ser considerados “menos que seres humanos” por membros de outras castas.

“Minha mãe nos dizia constantemente que nós éramos ‘intocáveis’. Muitas vezes ela usava o termo ‘subumano’, não realmente seres humanos. Você pode imaginar como eu me sentia, quando criança, sempre ouvindo dos meus pais, da minha própria mãe que nós não éramos realmente seres humanos?”, questionou Kumar.

Ele explicou que não julga a atitude que sua mãe tinha no passado em ensiná-lo dessa forma, porque ela também ouviu as mesmas coisas da mãe dela quando era criança.

“Ela foi ensinada assim e isso é passado de geração em geração”, destacou.

Kumar lembrou que a feitiçaria praticada por seu pai rendia dinheiro para o sustento da família, mas também os aprisionava espiritualmente.

“Minha família estava sob as garras dos maus espíritos”, contou. “A minha infância foi de uma realidade sombria e de severa opressão”.

A expulsão da vila

Aos 11 anos, ele se envolveu em uma briga com outro garoto de uma casta superior em sua escola. Enquanto jogava críquete. Ele costumava jogar com outros dalits, mas algumas vezes, garotos de castas superiores também participavam do jogo.

Após esbarrar acidentalmente em um garoto de casta superior, este reagiu com repulsa, discriminando Kumar e dizendo-lhe que ele “não é um ser humano de verdade”.

“Seu cachorro dalit sujo”, gritou o garoto para ofender Kumar.

O garoto dalit ficou com muita raiva, jogando sua raquete contra o garoto e deixando-o ferido.

A briga entre os meninos gerou comoção na aldeia onde Kumar morava. Os pais do menino ferido consideraram Kumar culpado e puniram toda a família dele, dando um ultimato de 24 horas para deixar a aldeia.

Eles não tiveram escolha a não ser partir e seu pai acabou perdendo sua função como feiticeiro na aldeia. Isso deixou uma dor e uma ferida muito profundas no coração de Kumar.

O garoto então começou a questionar a Deus por que Ele o criou em uma casta inferior da humanidade. Isso o deixou em um estado deprimido e desiludido, buscando esperança e realidade em sua vida. Ele até pensou em cometer suicídio por causa da discriminação que estava enfrentando.

“Eu buscava respostas nos deuses que conhecíamos, mas não conseguia nada”, contou ele.

Um reencontro especial

Certo dia, quando Kumar estava com cerca de 17 anos, seu irmão falou com com ele e compartilhou uma mensagem transformadora sobre o amor de Jesus.

“Aquele foi o dia mais emocionante da minha vida”, contou Kumar. “Eu reencontrei meu irmão mais velho. Ele veio com um grande sorriso no rosto e me disse: ‘Kumar, todo esse sofrimento como Dalit está acabado’. Eu me perguntava como aquilo era possível. Então, ele me contou que aceitou Jesus Cristo como seu salvador”.

Seu irmão compartilhou seu testemunho com Kumar, relatando que certa vez estava andando pela rua, quando viu um grupo de jovens em pé, cantando alegremente. Então, ele parou ali e ouviu o que eles estavam compartilhando. Eles falavam sobre Jesus.

“Ele ficou ali, ouviu o Evangelho e logo após se ajoelhou, entregando sua vida a Jesus”, contou Kumar.

Aqueles jovens deram uma Bíblia a ele e foi essa Escritura que ele levou para apresentar a Kumar, compartilhando com ele a mensagem bíblica de Gênesis 1:27, que diz: “E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou”.

Esse único versículo da Bíblia mudou a vida de Kumar. Naquela mesma noite, Kumar recebeu Jesus em seu coração.

“Eu nunca havia ouvido algo tão bom em toda a minha vida. Eu sempre ouvia que era ‘intocável’, que era um subumano, menos que um animal, que era sujo, poluído. Mas esse livro me disse que eu fui criado à imagem de Deus. Então, eu disse ao meu irmão: ‘Eu quero esse Deus’”, contou Kumar.

Hoje, ele é um pastor e compartilha o Evangelho com ousadia, pregando para outras pessoas em toda a Índia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário