Header Ads Widget

John Piper diz que é preciso ser “maduro para discernir” antes de iniciar um namoro online

Para o pastor a questão do namoro virtual não é como se encontra, mas com que se casa

John Piper aconselha procurar um cônjuge que já aprendeu o que é morrer para si mesmo. (Foto: Reprodução).

Perguntado se o namoro online cristão é uma boa maneira de conhecer alguém, John Piper afirmou, em vídeo do canal do Ministério Fiel no YouTube, que a questão bíblica não é como se encontra, mas com quem se casa.

De acordo o pastor batista, a escolha do cônjuge deve ser seriamente criteriosa, não bastando apenas o pretendente se dizer cristão, mas ter atitudes que provam ser um seguidor fiel de Cristo.

“Um crente maduro não quer que seu cônjuge apenas professe algum credo ou esteja disposto a ir à igreja. O que ele quer não é apenas um casamento minimamente cristão, mas um casamento verdadeiramente cristão”, explica Piper.

John Piper aconselha procurar uma esposa ou esposo que já aprendeu o que é morrer para si mesmo em lealdade a Jesus, porque só assim poderão cumprir seu papel conjugal no casamento para servir primeiramente ao outro do que a si mesmo.

“Se você souber o que está procurando da maneira que tentei descrevê-la, acho que você pode descartar muitos perdedores na internet”, conclui o pastor. Segundo Piper, é possível verificar pelas redes sociais se tal pessoa é genuinamente cristã ou apenas vive uma fé superficial.

A resposta de John Piper sobre a questão do namoro online é: “Tudo bem pra mim conhecer alguém online e aprender o máximo possível sobre ela”. Ele diz que conheceu casais que se conheceram pela internet e hoje estão casados como cristãos maduros.

Piper finaliza com um questionamento para aqueles que estão buscando alguém para se casar: “Você é maduro o suficiente para discernir um cônjuge digno? Concentre suas energias para se tornar esse tipo de pessoa”.



Postar um comentário

0 Comentários