Militares de Mianmar abrem fogo contra aldeias cristãs matando 21 pessoas

Os ataques fizeram com que cerca de 2.000 moradores fugissem para uma cidade próxima.


Um jovem cristão ferido recebe tratamento de emergência no hospital, que lutou para lidar com o número de feridos. (Foto: Reprodução / U Lai Pa / Barnabas Fund)
Um total de 21 moradores foram mortos e cerca de duas dezenas ficaram feridas quando jatos militares abriram fogo contra quatro aldeias cristãs majoritárias no Estado de Chin, Mianmar (Birmânia) no fim de semana.

A testemunha ocular disse que doze pessoas foram mortas no primeiro ataque a duas aldeias no município de Paletwa por aviões do Exército de Mianmar em 14 de março. Outras oito pessoas morreram no dia seguinte em um ataque aéreo em duas outras aldeias.

Os ataques fizeram com que cerca de 2.000 moradores fugissem para uma cidade próxima.
 "Não esperávamos que o avião militar caísse em nossa vila", disse um sobrevivente. “Em uma família, sete pessoas foram mortas instantaneamente e apenas dois adolescentes, com 13 e 15 anos, sobreviveram, ambos ficaram feridos”, relatou.

“Algumas casas estavam em chamas quando saímos. Três casas estavam queimando. Mais tarde ouvimos dizer que todas as casas da nossa vila se foram. Felizmente, meus pais estão seguros, mas nossa casa foi queimada”, disse o morador de Meiksa Wa.

Uma autoridade local declarou que o hospital em uma cidade próxima estava lutando para lidar com o número de feridos. "Ouvimos dizer que o hospital não tem suprimentos médicos ou médicos suficientes e precisa de apoio", disse ele em um post no Facebook. O grupo minoritário étnico jin é predominantemente cristão.
Militares de Mianmar abrem fogo contra aldeias cristãs matando 21 pessoas Militares de Mianmar abrem fogo contra aldeias cristãs matando 21 pessoas Reviewed by MISSÕES URGENTE on 17:03 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.