A crise do coronavírus é um treinamento para o fim dos tempos, diz pastor

O pastor Joel Engel acredita que as pessoas que não se aprofundarem na Palavra serão enganadas no fim dos tempos.


"O fim está próximo", diz manifestante em cartaz sobre coronavírus na Times Square, em Nova York. (Foto: Johannes Eisele/AFP)
Pessoas confinadas, igrejas e comércios fechados e hospitais em estado caótico. O cenário em torno da pandemia do novo coronavírus pode ter ligação com o fim dos tempos prefiro pela Bíblia?

De acordo com o pastor Joel Engel, o momento atual “é um treinamento para o fim dos tempos”.
“Percebemos claramente que há uma mente inteligente manipulando tudo isso a nível mundial e preparando o caminho para o anticristo”, disse Engel ao Guiame.

“Existe uma manipulação para levantar um governo a nível mundial. Observe. O governo decretou que eu não posso andar de máscara dentro do meu carro, se não eu posso ser multado. Isso quer dizer que a OMS (Organização Mundial da Saúde) consegue determinar uma lei dentro do meu país”, analisa.

Engel avalia que “hoje está se cumprindo o que a Bíblia de 666, o que significa o controle do mundo. É para esse caminho que estamos indo”.

Ele também alerta para o risco das igrejas que são acomodadas ou que ensinou o povo a correr apenas atrás de bênçãos, porque “não vão conseguir entender, vão sucumbir ao encanto do anticristos e às mensagens que ele está trazendo através de filosofias”.

“Vai ser muito fácil enganar as pessoas que não se aprofundam na Palavra, as pessoas que estão muito rasas”, destaca Engel.

O pastor também observa que, no geral, a Igreja também está sendo impulsionada a viver mudanças.
“Deus está sacudindo a Igreja e ampara voltar aos tempos da igreja primitiva, onde cada casa era uma igreja e cada chefe de família era o sacerdote do lar, e cada crente tinha sua própria vida com Deus”, afirma.

“A exemplo dos nossos amigos judeus, eles não dependem de um templo, porque eles praticam em casa. Todas as sextas-feiras, quando começa o shabat, eles é-se reúnem na mesa, lendo as parashás e louvando”, observa.

O pastor acredita que a pandemia global “é uma mensagem de Deus para a gente se voltar a Ele de todo o coração, independente do prédio”.

“Também vemos na cultura judaica que a menina aos 12 anos e o aos com 13 anos já eram responsáveis por sua vida espiritual. Hoje vemos irmãos que estão há 30 anos na igreja e ainda dependem da benção do pastor. A pessoa não consegue andar por seus próprios pés, comenta. 

“O Espírito Santo está dando a maior sacudida na igreja, preparando na reta final o que nós conhecemos como igreja profética. Deus vai levantar profetas nesse tempo para preparar o caminho para a volta de Cristo. A igreja vai ter que ler o Apocalipse, a igreja vai ter que estudar sobre nova ordem mundial e temas que até hoje estavam engavetados”, conclui.
A crise do coronavírus é um treinamento para o fim dos tempos, diz pastor A crise do coronavírus é um treinamento para o fim dos tempos, diz pastor Reviewed by MISSÕES URGENTE on 22:07 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.