Mudança da embaixada brasileira para Jerusalém ainda está em estudo, diz Ernesto Araújo

 Apesar da promessa de Bolsonaro sobre a transferência da embaixada para Jerusalém, o ministro das Relações Exteriores diz que a questão ainda está em estudo.

Chanceler Ernesto Araújo em pronunciamento no Senado. (Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado)

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, disse nesta quinta-feira (24) que a transferência da embaixada do Brasil de Tel Aviv para Jerusalém ainda está em estudo pelo Itamaraty.

“A questão permanece em estudo pelo governo”, disse o chanceler durante audiência na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado. “A relação com Israel e o Oriente Médio não pode ser considerada agressiva. Sempre ouviremos todos, no sentido construtivo da paz e do entendimento”, acrescentou Araújo.

A mudança da embaixada para Jerusalém foi uma proposta feita durante a campanha eleitoral do presidente Jair Bolsonaro e anunciada nos primeiros dias de mandato. 

Em sua visita ao Brasil, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, afirmou que Bolsonaro havia assegurado a transferência. A medida, no entanto, acabou sendo deixada de lado.

Bolsonaro chegou a anunciar a abertura de um escritório comercial do governo brasileiro em Jerusalém, como uma saída diplomática para o embaraço gerado com países árabes, que alertaram um esfriamento de relações comerciais com o Brasil, caso a mudança seja levada adiante. 

Jerusalém é um dos locais mais disputados do mundo. Sagrado para o cristianismo, o judaísmo e o islamismo, a cidade é reivindicada por israelenses como “capital única e indivisível” de Israel, e pelos palestinos como capital de um futuro Estado.

Novo embaixador em Israel

Na segunda-feira (21), a Comissão de Relações Exteriores do Senado (CRE) aprovou o nome do general Gerson Menandro Garcia de Freitas para exercer o cargo de embaixador do Brasil em Israel. 

“Israel é reconhecidamente um país muito avançado em seus meios, equipamentos, doutrinas, táticas e técnicas de defesa. E nós podemos avançar bem mais”, avaliou Freitas.

Araújo também anunciou Alessandro Candeias, o atual chefe do departamento de temas de defesa do Itamaraty, como novo embaixador do Brasil na Palestina. Ele vai substituir Francisco Mauro Brasil de Holanda, indicado para o Kuwait.

Mudança da embaixada brasileira para Jerusalém ainda está em estudo, diz Ernesto Araújo Mudança da embaixada brasileira para Jerusalém ainda está em estudo, diz Ernesto Araújo Reviewed by MISSÕES URGENTE on 12:19 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.