Vídeo mostra neurocirurgião em momento de adoração com paciente e enfermeiros - MISSÕES URGENTE
Seguir no Facebook Seguir no Twitter Seguir no Instagram

BRASIL MUNDO ISRAEL VERSÍCULOS PEDIDO DE ORAÇÃO VÍDEOS MÚSICA PREGAÇÕES CINEMA COLUNA

sexta-feira, 11 de dezembro de 2020

Vídeo mostra neurocirurgião em momento de adoração com paciente e enfermeiros

 O Dr. Kachinga Sichizya, de 57 anos, reuniu enfermeiros e paciente em momento de oração e adoração na Zâmbia.



Um neurocirurgião renomado na Zâmbia conduziu um momento de oração e adoração com sua equipe médica e pacientes na última semana. O vídeo viralizou nas redes sociais e emocionou milhares de pessoas.

O Dr. Kachinga Sichizya, de 57 anos, publicou um vídeo em 5 de dezembro que mostra a reunião na sala de recuperação de um hospital na Zâmbia. Juntos, o médico e enfermeiros oraram pela recuperação do paciente.

“Adoração espontânea na sala de recuperação com a equipe do centro cirúrgico, após um ótimo dia de trabalho”, disse o Dr. Sichizya na descrição do vídeo. “Veja o paciente participando da adoração! Ele tinha o tenor mais bonito”. 

“Glória ao nosso Deus, o Pai do Senhor Jesus Cristo, nosso Salvador, o único Deus verdadeiro e vivo. Ele é digno de receber nosso louvor”, finalizou o médico.

De acordo com a organização CURE International Canada, uma rede de hospitais e programas sociais que atua em países da África, quando Sichizya está na sala de cirurgia, ele começa orando pelo paciente e pelo procedimento.

“Ele canta canções de adoração durante a cirurgia, criando uma atmosfera na sala de cirurgia diferente de tudo que já experimentei fora de um hospital da CURE”, disse Dale Brantner, presidente e CEO da organização.

“Lá na Zâmbia, o médico e as enfermeiras viram no trabalho que estavam fazendo uma oportunidade para glorificar a Deus. O resultado para as crianças que chegam até nós, de um lugar de dor e rejeição, é profundo. Eles recebem cura física, emocional e espiritual em nome de Jesus. Esta é a verdadeira adoração”, concluiu Brantner.

Nenhum comentário:

Postar um comentário